Você está em: Inicio / Imprensa / Notícias / Arvores Podree Doentes Sao Retiradas Para Dar Lugar A Outras 250 Por Todo O Municipio

Infraestrutura


Arvores podree doentes são retiradas para dar lugar a outras 250 por todo o município

Créditos: Divulgação / Reprodução


Vários foram os fatores responsáveis pelo corte de dezenas de árvores, as quais serão compensadas com cinco exemplares plantados no perímetro urbano de Juscimeira para cada unidade cortada, no projeto de revitalização e reforma da Praça da Igreja Matriz. A maioria dos exemplares apresentava algum tipo de problema como doenças, cupim e raízes superficiais podendo ocasionar risco aos frequentadores do espaço e comerciantes da região.

De acordo com a tecnóloga em gestão ambiental, Cássia Claudino Soares Marques, ao todo será retirada 26 árvores as quais já se encontravam no final da vida útil. Entre elas tinha uma plantada em local inadequado na calçada, outra embaixo da rede de alta tensão e outra a raiz estava atrapalhando a finalização do alicerce do memorial.

Descrição: https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif“Obedecendo à lei de reflorestamento, para cada árvore que iremos retirar serão plantados outras cincos unidades, ou seja, para que possamos concluir a obra dentro da legalidade vamos plantas 250 mudas de diversas variedades nativas do cerrado mato-grossense como ipês, piúva, castanheira, oiti, frutíferas, entre outras espécies.

Como se pode observar nas fotografias, a maioria dos troncos e galhos das árvores estava comprometidos, ocos e preenchidos com 60% de terra e matérias orgânicas. Nas imagens, se observar com detalhe se nota a presença de infestação de cupins.

Para o proprietário de uma drogaria localizada em uma das esquinas da praça na Avenida JK, senhor Euter Jesus, acha justo e correto o corte das árvores, sendo que ele já teve o telhado do seu estabelecimento quebrado ocasionado por galhos podres. “E digo mais, já presenciei várias vezes galhos grandes caindo, um dia tinha um casal de adolescente e quase foi atingido por um pedaço considerável para causar uma tragédia”, conta.

O atendente de posto de gasolina, Reginaldo Soares, passando pelo local disse que a medida trará mais segurança a população. “As mudanças nem sempre agradam a todos. E se é para o bem da população e adequar o projeto da praça temos que ser conscientes que trará melhoria para nossa cidade”.

Segundo especialistas, um dos fatores que diminui o tempo de vida das árvores nas calçadas das vias públicas e praças com planejamento inadequado é pelo fato do ambiente não ser acolhedor, onde nestes espaços o solo tem geralmente péssimas propriedades físicas e químicas. Além da impermeabilização excessiva, que prejudica a saúde das raízes, onde não há ciclagem de nutrientes e a poluição, principalmente as causas pelo tráfego de veículos, são outros fatores prejudiciais à vida útil de uma árvore.

 


Publicado em 05/08/2014

Fonte: Márcio Fidélis/ Ascom Jaciara


Últimas Notícias

2023 © Prefeitura Municipal de Juscimeira - Mato Grosso - CEP: 78810-000