Geral


Prefeitura de Juscimeira sobe 55 posições no Índice de Gestão Fiscal avaliado pelo TCE-MT

O Indicador de Gestão Fiscal do Município, ferramenta do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), com a qual permite mensurar a qualidade da Administração Municipal, melhorou consideravelmente. O município passou da 119ª colocação em 2016 para 64º posição o ano passado.

De acordo dados do TCE-MT, subsidiados pela Administração Municipal através do Aplic,  o IGFM da Receita Tributária Própria de 2017 é o mais alto dos últimos sete anos no município.

O prefeito Moisés dos Santos explicou que o IGFM tem como objetivo estimular a cultura da responsabilidade administrativa, possibilitando maior aprimoramento da gestão fiscal, bem como o aperfeiçoamento das decisões dos gestores públicos quanto à alocação de recursos.

“Outro destaque que tivemos neste ano é referente ao indicador IGFM Liquidez, o qual determina a relação, no curto prazo, entre o montante de recursos disponíveis e o quanto deve pagar. Revelando a capacidade da Administração de cumprir com seus compromissos de pagamentos imediatos com terceiros”, frisou Moisés.

A avaliação do IGFM é composto pela média de 5 índices com os seguintes pesos: IGFM Receita Tributária Própria (0,79); -IGFM Despesa com Pessoal (0,42%); -IGFM Investimentos (0,29); -IGFM Liquidez (1,00)  e -IGFM Custo da Dívida (0,00).  A leitura desses resultados é bastante simples: a pontuação varia entre 0 e 1, sendo que, quanto mais próximo de 1, melhor a gestão fiscal do município no ano em observação.  


Publicado em 30/07/2018

Fonte: Assessoria de Imprensa / PMJ


Últimas Notícias

2018 © Portal Oficial da Prefeitura Municipal de Juscimeira - Mato Grosso - CEP: 78810-000